ÁREA DO ASSOCIADO

19/04/2016

Efeito calendário beneficia movimento de vendas na 1ª quinzena de abril, diz Associação Comercial de SP



O Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) apontou uma queda média de 4,3% no movimento de vendas na capital paulista na primeira quinzena de abril frente ao mesmo período do ano passado.

Isoladamente, houve alta de 1,7% nas comercializações a prazo e recuo de 10,2% nas vendas à vista.

“Esse resultado não pode ser interpretado como tendência de retomada do varejo – sobretudo porque a quinzena teve um dia útil a mais em relação ao mesmo período de 2015. Mas não deixa de ser favorável”, diz Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp). Burti ainda explica que a primeira quinzena de abril de 2016 também foi beneficiada pela mobilidade das datas comemorativas: neste ano, o feriado da Semana Santa, que reduz o movimento nas lojas, foi no fim de março.

Variação mensal

Na comparação com a primeira quinzena de março de 2016, a queda média foi de 13,9%, com diminuições de 17,5% nas vendas a prazo e de 10,3% nas vendas à vista. Trata-se de um desempenho sazonal, dado que o início de março costuma ser um período de maior movimento, quando muitas pessoas voltam de férias e inicia-se o ano letivo.

O Balanço de Vendas é elaborado pelo Instituto de Economia Gastão Vidigal, da ACSP, com base em amostra fornecida pela Boa Vista Serviços. 

 

Fonte: ACSP


voltar